Pular para o conteúdo principal

Deixei de viver (ou voltei a viver?) com Shondaland


Alguém já pregou a palavra de Shonda pra você? Alguém já tentou te convencer a assistir uma série médica de mais de 12 temporadas? Se ninguém ainda fez isso, considere-se sortudo pois eu serei essa pessoa. Para os felizardos que ainda não conhecem o termo, Shondaland é o mundo de seriados da escritora, produtora e roteirista Shonda Rhimes. Desde 2005 que Shonda acaba com muitas vidas, tanto nas séries quanto na vida real - metaforicamente, óbvio. Ela é praticamente a versão feminina do criador de Game Of Thrones, George R. R. Martin. Gosta de drama? Então se prepara pra chorar como se não houvesse amanhã, se segura bem forte onde você tá sentado e vem conhecer essas séries que vão abalar sua vida:

Grey's Anatomy



A primeira claramente é meu xodó, a minha série preferida - e olha que eu assisto muita série então só acho que você deveria ignorar a quantidade de temporadas e considerar assistir alguns episódios. Greys Anatomy, ou "Anatomia de Grey", é uma série médica da rede ABC que conta a história de Meredith Grey, residente do Hospital Seattle Grace. Durante sua residência ela convive com outros internos criando laços com eles. Alguns deles são Christina Yang, Izzie Stevens, George O'Malley e Alex Karev. Em cada episódio também apresentam casos diferentes de pacientes mostrando suas complicações.
É uma espécie de Dr. House de uma forma mais viciante. Eu geralmente morro de agonia com a área de saúde por ter cenas de partes internas do corpo expostas, mas por mais inesperado que seja eu nunca fiquei passando mal ou me negando a assistir algum episódio por causa de algumas cenas "fortes". Digo "fortes", pois não as considero tão terríveis assim.

How To Get Away With Murder



Tendo início em 2014 e seguindo a ordem do meu agrado How To Get Away With Murder, ou "Como Se Livrar de Um Assassinato", é uma série jurídica que gira em torno da advogada criminal Annalise Keating e seus cinco estagiários: Wes Gibbins, Laurel Castillo, Asher Millstone, Michaela Pratt e Connor Walsh. E, além deles, Annalise também conta com a ajuda de Frank Delfino e Bonnie Winterbottom. Envolvendo um assassinato, a série mostra cenas passadas e presentes deixando você intrigado para descobrir quem de fato é o assassino. São tantas reviravoltas e surpresas que fazem a pessoa querer maratonar a série completamente até o fim. Eu fui uma dessas pessoas viciadas que maratonou como se não houvesse amanhã.
Mesmo eu não tendo interesse na área de saúde ou direito, eu consegui me apegar fortemente à essas séries. Vai entender, né?

Então se você curtiu, corra pra Netflix que as séries estão disponíveis lá ou baixe na internet!
Você não tem netflix e também não sabe baixar séries pela internet? Que triste! Mas fica de boa na lagoa que na próxima publicação eu irei te mostrar como baixo minhas séries! Até a próxima! :)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FanPage: As crônicas de Wesley

"Um baiano inocente em um mundo pervertido contando crônicas baseadas em fatos quase reais." Wesley é um jovem desenhista talentoso que estuda eletromecânica na IFBA. Na sua fanpageAs Crônicas de Wesley, ele conta relatos da rotina de adolescentes, ou mini-jovens, como os denomina. Confira as melhores:


Clique na imagem para ampliar sua visualização.
E ainda tem muita tirinha engraçada lá, conheça todas. Estão no Facebook e no Twitter. ;)

Os 5 clipes que você já deveria ter visto #3

Antes de qualquer coisa eu gostaria de desejar um feliz natal aos meus queridos leitores. Que tenha muita fartura, risadas, paz e amor no seu dia! Finalmente estou em período de férias (na faculdade) e agora vai ter publicação todo dia - ou é o que espero. Eu sei que a maioria deveria estar esperando alguma publicação relacionada ao natal, mas isso não vai acontecer aqui. Só queria compartilhar essa mini playlist com as músicas que mais ouvi (repetidas vezes) em dezembro. Vamos nos preparar emocionalmente pra o monte de comida que nos aguarda? MELHORA TEU HUMOR! Confere aí, vai:

Selena Gomez - Same Old Love

Carl Rae Jepsen - Run Away With Me

Calvin Harris - How Deep Is Your Love (feat. Disciples)

Ellie Goulding - On My Mind

Hailee Steinfeld - Love Myself

Cultura brasileira: 5 cantores para apaixonados

Pra vocês não ficarem pensando que eu sou uma daquelas pessoas sem coração que acredita que tudo de melhor só tem no exterior eu criei essa categoria pro blog: cultura brasileira. Não sei se vocês perceberam, mas o blog está infestado de coisas internacionais: músicas, filmes, séries, livros e até palavras em outro idioma. E, nossa, quando eu vejo isso eu também me pergunto se eu realmente sou brasileira. Será que sou? Haha. Pra começar bem com esta nova seção do blog eu imaginei que alguém aí estava interessado em se afundar mais na paixão que sente pelo crush (tá vendo? como que para com essa mania, gente?!). Preparado pra se emocionar?

Clarice Falcão

Clarice é recifense (♥), cantora, compositora, atriz, roteirista e humorista. Ela canta canções de amor de uma forma bem especial - como o clipe indicado acima - com músicas de gênero indie, folk e mpb. Pra conferir mais do seu trabalho procura o álbum "Monomania" no seu perfil do Spotify. Amo a maioria das músicas desse álb…