Pular para o conteúdo principal

[Resenha] “Escuridão” de Elena P. Melodia


Título: Escuridão
Autora: Elena P. Melodia
Editora: Objetiva | Ano: 2012 | Páginas: 332
Sinopse: Alma tem 17 anos, e nada em sua vida difere das meninas de sua idade: escola, programas com seu grupo de amigas, tédio e impaciência na relação com a família. Até o dia em que vê um caderno roxo numa vitrine e, por puro impulso, o compra. A partir daí, acontecimentos horripilantes começam a se suceder. Todos descritos em detalhes nas páginas do caderno…antes de acontecerem. Com a letra dela. Que não se lembra de ter escrito nada. Quem é Alma, na verdade? Quem é Morgan, seu misterioso amigo de escola, que parece ter respostas para o que está acontecendo? E como impedir que as forças do mal se aproximem dela e de quem ela ama?

Resenha

Escuridão tem uma narrativa envolvente e uma caracterização de personagens muito singular. O livro inicia com a narração de Alma, uma adolescente envolvida nas atividades corriqueiras de uma escola recheada de rankings de popularidade. Junto das amigas Agatha, Seline e Naomi, Alma forma o grupo que comanda. O enredo segue com a compra do caderno roxo, o causador de seus próximos problemas, ele traz uma reviravolta em sua vida.

A personagem principal, Alma, é extremamente intensa, na escola demonstra ser uma pessoa forte e fria, já em sua casa reflete a bagunça que sua vida é, relacionando a irmã Lina com seu trauma, o solitário irmão Evan e as derrotas nos casamentos que sua mãe Jenna teve.

Alma tem vários amigos singulares: Morgan, o garoto misterioso, trouxe ao livro uma pitada de romance entre ele e Alma, deixando a leitura interessante, com mistura de amor e tragédias. Naomi, a garota apaixonada, sofreu uma seita satânica. Seline, uma garota rica que após uma frustração passou a ter anemia e bulimia. E finalmente Agatha, a orfã que matou a tia de uma forma horripilante. Enfim, todos os personagens deram alguma contribuição no enredo da história tornando-se importantes para o futuro da série.

Resumindo

A narrativa demorou um pouco pra ficar interessante, mas quando as coisas começaram a acontecer eu não quis mais parar de ler. Seu ritmo poderia ser mais acelerado e Morgan poderia ter aparecido mais. Houve bastante suspense e momentos de tensão que deram mais gosto a leitura. A autora também poderia ter nos dado mais pistas sobre os mistérios, mas como mostra a trilogia, Escuridão revela poucos fatos e a cada livro as revelações vão crescendo, como diz seus respectivos nomes: Escuridão, Sombra e Luz. Entenderam? A cada livro lido os mistérios são iluminados e assim descobertos.

Avaliação


Dei 3,5 pois a história não se finaliza, você tem de ler a continuação para saber quem são os assassinos e quem realmente é Morgan. Isso deixa a pessoa louca para ler a continuação, então se você for comprar o livro, não compre só o primeiro, compre os outros que faltam para completar a trilogia: Sombra e Luz.

Comentários

  1. Mesmo tendo esses pontos chatos de não ter final etc, esse livro parece muito bom! Gostei da resenha.
    Beijos

    http://purochaarme.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E ele é mesmo! Obrigadinha ^_^
      Beijoxxx

      Excluir
  2. Nunca tinha ouvido falar sobre esse livro, mas a história parece interessante. Sua resenha ficou muito boa.

    Confissoes-de-um-garoto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Nunca tinha visto esse livro... Me parece muito bom! Estou na onda da leitura e fiquei curiosa para lê-lo. A resenha ficou ótima!
    Sucesso, beijossss <33
    Blog / Fan Page / Twitter


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então leia e me diz o que achou! Obrigadão :D
      Beijoxxx

      Excluir
  4. Ganhei essa saga da minha madrinha, hahaha parece ser beeeem legal, lerei ele em breve <3
    Beijos!

    http://coldcoffe-e.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. PÁRA TUDO!!! QUE. SORTUDA!! Tô louca pra ler o restante dos livros. Leia por mim então! Hehe
      Beijoxxx

      Excluir

Postar um comentário

Thayníssima é um blog pessoal que fala sobre tudo o que autora gosta e tem interesse, sendo leitura, fotografia, gastronomia, moda, jogos, músicas, filmes e séries.

Oi! Tudo bem? É sua primeira vez aqui? Gostou da publicação? Sinta-se livre para deixar sua opinião e também o link do seu blog. Tenha certeza de que eu irei conhecê-lo.

Você pode nos acompanhar também pelo facebook, twitter e instagram. E, caso queira entrar em contato conosco, envie uma mensagem para o e-mail blogthaynissima@gmail.com. Responderei em breve!

Seja bem-vindo(a), sinta-se à vontade e volte sempre que quiser. (:

Postagens mais visitadas deste blog

FanPage: As crônicas de Wesley

"Um baiano inocente em um mundo pervertido contando crônicas baseadas em fatos quase reais." Wesley é um jovem desenhista talentoso que estuda eletromecânica na IFBA. Na sua fanpageAs Crônicas de Wesley, ele conta relatos da rotina de adolescentes, ou mini-jovens, como os denomina. Confira as melhores:


Clique na imagem para ampliar sua visualização.
E ainda tem muita tirinha engraçada lá, conheça todas. Estão no Facebook e no Twitter. ;)

Os 5 clipes que você já deveria ter visto #3

Antes de qualquer coisa eu gostaria de desejar um feliz natal aos meus queridos leitores. Que tenha muita fartura, risadas, paz e amor no seu dia! Finalmente estou em período de férias (na faculdade) e agora vai ter publicação todo dia - ou é o que espero. Eu sei que a maioria deveria estar esperando alguma publicação relacionada ao natal, mas isso não vai acontecer aqui. Só queria compartilhar essa mini playlist com as músicas que mais ouvi (repetidas vezes) em dezembro. Vamos nos preparar emocionalmente pra o monte de comida que nos aguarda? MELHORA TEU HUMOR! Confere aí, vai:

Selena Gomez - Same Old Love

Carl Rae Jepsen - Run Away With Me

Calvin Harris - How Deep Is Your Love (feat. Disciples)

Ellie Goulding - On My Mind

Hailee Steinfeld - Love Myself

Cultura brasileira: 5 cantores para apaixonados

Pra vocês não ficarem pensando que eu sou uma daquelas pessoas sem coração que acredita que tudo de melhor só tem no exterior eu criei essa categoria pro blog: cultura brasileira. Não sei se vocês perceberam, mas o blog está infestado de coisas internacionais: músicas, filmes, séries, livros e até palavras em outro idioma. E, nossa, quando eu vejo isso eu também me pergunto se eu realmente sou brasileira. Será que sou? Haha. Pra começar bem com esta nova seção do blog eu imaginei que alguém aí estava interessado em se afundar mais na paixão que sente pelo crush (tá vendo? como que para com essa mania, gente?!). Preparado pra se emocionar?

Clarice Falcão

Clarice é recifense (♥), cantora, compositora, atriz, roteirista e humorista. Ela canta canções de amor de uma forma bem especial - como o clipe indicado acima - com músicas de gênero indie, folk e mpb. Pra conferir mais do seu trabalho procura o álbum "Monomania" no seu perfil do Spotify. Amo a maioria das músicas desse álb…